Energia solar: em 2020 será mais barata do que a tradicional

Apostar no uso de energia limpa tem sido a maneira que muitas pessoas, da cidade ou do campo, encontraram para se tornarem sustentáveis e fazerem a sua parte para ajudar a manter o planeta saudável.

No entanto, por muitas vezes o custo da Energia solar fotovoltaica tem sido muito algo e isso é o que acaba desanimando quem pretendia investir em seu uso. Em 2020 temos uma notícia que fará você repensar sobre a utilização desta fonte renovável de energia.

Isso porque, neste ano, ela se torna bem mais barata, tendo um custo que poderá agradar a muitos que a algum tempo tem adiado sua instalação e utilização.

A importância da Energia solar fotovoltaica para empresas

Muitas empresas gastam verdadeiras fortunas com energia elétrica para manter tudo funcionando como deve. Afinal, no mundo atual somos dependendo da eletricidade para a realização de várias tarefas.

Em uma linha de produção, por exemplo, o maquinário que realiza a fabricação de determinado produto é movido a energia elétrica, tendo uma corrente contínua que a mantém ligada e a faz produzir muito.

Agora, calcule os gastos no final do mês com a energia comum que todos utilizamos e, depois, faça uma comparação caso a Energia solar estivesse sendo adicionada como uma alimentadora desta mesma máquina. Você verá que os custos são radicalmente diferentes, sendo a economia muito mais quando existe a utilização de fotovoltaica.

Ou seja, para as empresas, a Energia solar representa muito mais do que uma forma sustentável, um meio de conseguir economizar nos custos elétricos.

A queda dos preços

Entre 2017 e 2018 foi um bom período para a Energia solar térmica, havendo um recuo de 26% no seu custo, bem como as placas solares que tiveram uma diminuição de 13%. Segundo a Agência Internacional de Energia Renovável o custo de produção da Energia solar em 2020 será mais barata do que a fóssil, hoje ainda frequentemente utilizada.

Mas, investir em placas solares para a minha casa vale a pena?

Na verdade, isso nunca deixou de valer a pena, pois, os custos de produção de energia fotovoltaica individual não eram, ou são, necessariamente tão caros e isso é o que faz vale a pena o investimento.

O que estamos falando aqui é sobre a produção em larga escala, ou seja, usinas renováveis de energia fotovoltaica, no qual o investimento é consideravelmente alto e isso acaba tornando um pouco mais complicado de seguir adiante.

Com o custo menor, em 2020, pode sim tornar-se realidade a produção em larga escala de energia renovável e limpa por meio de painéis solares.

Países sustentáveis Vale lembrar que nem todos os países sofreram essa diminuição no custo da Energia solar e ainda investem a forma de produção mais barata, como hidrelétricas. Mas, estimasse que em breve esses outros países também comecem a sentir o recuo dos custos na energia fotovoltaica.